Governador Amazonino Mendes retoma obras do ProsaiMaués e anuncia investimentos para o setor viário da cidade  

Governo do amazonas lança pacote de obras no município de Maués
Governo do Amazonas lança pacote de obras em Maués

O governador do Amazonas, Amazonino Mendes, lançou, neste sábado (26/05), em Maués (a 268 quilômetros de Manaus), um pacote de obras que inclui a nova fase do Programa de Saneamento Integrado de Maués (ProsaiMaués): o “Prosai Em Movimento”, parado há quatro anos, e o início das ações de recuperação do sistema viário urbano, abandonado há aproximadamente 15 anos. Na “Terra do Guaraná”, Amazonino assinou as ordens de serviços em solenidade ocorrida no ginásio Padre Leão Martinelli, localizado na avenida Getúlio Vargas, centro de Maués, e ressaltou que o Governo do Estado investe mais de R$ 70 milhões no desenvolvimento do município.

“É minha obrigação como governante, sobretudo trabalhar pelo interior. Que todo mundo sabe que durante muito tempo foi abandonado. Estamos trabalhando. Eu sou grato a Deus que está permitindo que eu possa recompor o estado, reorganizar a casa, e isso está permitindo a gente fazer toda essa ‘valentia’ maravilhosa. É o maior acerto de obras da história da cidade de Maués. Nós vamos investir em Maués independentemente da área do setor primário”, comentou o governador.

Amazonino ressaltou que cidade ganhará rede de esgoto sanitário e saneamento com o Prosai. “Maués vai ter asfalto, Maués vai ter algo que não tem no Amazonas: esgoto. Isso é uma coisa incrível, é quase que inacreditável. Vamos fazer todo o sistema viário. Enfim, uma nova Maués”. O governador, acompanhado do prefeito de Maués, Junior Leite, de secretários de Estado e parlamentares, visitou os canteiros de obras do Prosai e os principais pontos, onde passarão as obras de recuperação do sistema viário maueense.

Setor primário – Na rádio FM O Dia Maués, o governador Amazonino Mendes anunciou investimentos para o setor agrícola da “Terra do Guaraná”. Por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), o Governo vai disponibilizar aos produtores sete grupos geradores; três minitratores; roçadeiras; três triciclos; 300 motores estacionários; kits de pescador e de ferramentas; um caminhão; 150 motores tipos “rabeta” e 150 casas de farinha. “Esses fornos não é o que você compra no comércio. Esses fornos eu mandei fazer, forno que dura dez anos. Esse do comércio fura logo, a chapa é fina. Eu não permiti isso. Vem fornos bons. Vão dar segurança para o homem do campo”, enfatizou o governador.

Programa – O ProsaiMaués é executado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Manaus (SRMM) e Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), com a co-execução da Prefeitura de Maués, e vai beneficiar 11 mil famílias maueenses. Orçado em R$ 56.664.213,31, o programa prevê a revitalização das lagoas Maresia e Prata e seus entornos, além de serviços na zona rural (comunidades indígenas).

“Isso aqui é uma obra que quando nós chegamos em outubro, praticamente estávamos perdendo. O BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) já não aceitava mais o atraso de praticamente quatro anos. Então, foi um trabalho árduo da gente, para nós não perdermos esse dinheiro em relação às obras em si. Então, vai ser um Prosai que o governador quer fazer nos interiores. Então, através de Maués, que vai ser o plano piloto, com certeza vai avançar para outros interiores”, explicou o titular das secretarias de Infraestrutura (Seinfra) e da Região Metropolitana (SRMM), Oswaldo Said.

Indenizações – A equipe da Superintendência Estadual de Habitação do Amazonas (Suhab), composta por assistentes sociais e dos setores de direito, engenharia e financeiro, está em Maués desde o dia 14 deste mês. No último dia 17, teve início o pagamento das indenizações, para que as áreas que vão receber as obras sejam desapropriadas. Até o momento aproximadamente R$ 1,1 milhão foi pago aos moradores.

“Até o presente momento, já pagamos na primeira etapa R$ 1.059.000,00, na etapa finalizada ontem. O governador vai finalizar o pagamento, que tem dois tipos de finalidade: auxílio-moradia e o outro é a forma indenizatória, que é em torno de R$ 40 mil”, destacou o titular da Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), Diego Afonso.

Morador da Lagoa da Maresia há mais de trinta anos, o autônomo José Heraldo Góes, 57, foi o primeiro a ser indenizado e afirma que estava desacreditado do programa. “Vimos outros governos passarem e as coisas não aconteciam. Eu não acreditava mais que fosse acontecer. O Prosai representa um progresso para nossa cidade e para o Amazonas. Já estamos organizando o terreno para a construção da casa nova”, comemorou o beneficiário, que mora com a esposa e um neto.

Viário – Assim que assumiu o novo Governo do Amazonas, Amazonino Mendes determinou o início do mapeamento do sistema viários de todas as cidades do Amazonas. Depois do levantamento feito em Maués, serão recuperadas 136 ruas em 11 bairros da sede do município. O investimento previsto para a realização dos serviços necessários para a recuperação das ruas de Maués é de R$ 13.988.187,69, incluindo serviços de terraplanagem, pavimentação e drenagem.

O prefeito do município, Júnior Leite, destacou que há quase 15 anos, a “Terra do Guaraná” não recebia um volume de obras, sobretudo no sistema viário tão expressivo como no atual governo. “É um momento de gratidão e carinho por todo esse cuidado que o governador do Estado está tendo com Maués. A última vez que Maués teve asfalto foi há 14 anos. São quase R$ 15 milhões, e vai solucionar o nosso maior empecilho do momento, que é o sistema viário, uma obra que a prefeitura não tem como fazer sozinha. Precisa de parceria”, disse o prefeito.