Governo do Estado entrega poços de água para indígenas através do ProsaiMaués

1-1024x712
1-1024x712

O Governo do Estado realiza, neste sábado (25/11), a entrega de oito poços tubulares nas comunidades indígenas beneficiadas pelo Programa de Saneamento Integrado de Maués (ProsaiMaués). Todos gerados por energia solar. Essa é a primeira entrega do projeto que envolve melhorias ambientais nas áreas urbana e rural do município do Baixo Amazonas (distante a 268 km em linha reta de Manaus).

A solenidade de inauguração será realizada na comunidade São Benedito, com a presença do secretário-chefe da Casa Civil, Sidney Leite, representando o governador Amazonino Mendes; do titular da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra), Oswaldo Said; do secretário executivo da Secretaria de Estado de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Manaus (SRMM), Elânio Gouvêa; do coordenador executivo da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), Claudemir Andrade; e do prefeito de Maués, Júnior Leite.

Os indígenas Sateré-Mawé, que antes usavam água coletada diretamente do rio para o consumo, serão contemplados com melhorias sanitárias que vão facilitar o dia a dia da comunidade. Serão entregues a eles poços tubulares (artesianos); unidades sanitárias equipadas com vaso sanitário, pia, chuveiro e torneiras (banheiros de uso como), bem como redes de abastecimento. A água será captada através de bombas movidas a motores a diesel, com ajuda de placas de energia solar.

Cartilha

Os comunitários receberão a cartilha “Água é vida”, a fim de orientar sobre o uso e a manutenção de poços e banheiros.

O ProsaiMaués atua em 13 comunidades indígenas Sataré-Mawé, em Maués, onde foram construídos, além dos poços tubulares, que funcionam com placas de energia solar, unidades sanitárias e ligações. São elas: São Pedro, São Benedito, Belo Horizonte, Terra Nova, Santa Izabel, Antioquia II, Livramento, Nova Liberdade, Boas Novas, Monte Salém, Santo Anjo, Livramento II e Marau Novo.

Sobre o ProsaiMaués 

O Programa de Saneamento Integrado de Maués (ProsaiMaués) tem como objetivo contribuir para a solução dos problemas de saneamento básico, urbanísticos e socioambientais que afetam a qualidade de vida da população e a sustentabilidade do município. Entre as metas a serem atingidas, estão a redução do número de famílias que vivem sob risco de inundação, valorização dos imóveis, melhoria no serviço de esgotamento, serviço contínuo de água, fomentar o turismo local e acesso a água potável para as comunidades indígenas. Os trabalhos se concentram nas lagoas da Maresia, Prata, Donga e seus entornos.

O ProsaiMaués é financiado pelo Governo do Estado do Amazonas e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), através SEINFRA, SRMM, UGPE, UGPM/ProsaiMaués.