CAMPANHA CIDADES RESILIENTES, DA ONU – PROSAMIM É APRESENTADO PARA O PERU COMO REFERÊNCIA

O coordenador do PROSAMIM,Frank Lima, acompanhado de técnicos do Programa , recebeu ,no dia 11 de novembro, representantes da Defesa Civil da cidade de Morales, Distrito do Peru. A reunião, que foi coordenada pela Defesa Civil de Manaus, foi na sede da Unidade de Gerenciamento do Programa.
Entre os visitantes estavam,respectivamente, o Prefeito e do Secretário de Defesa Civil, do Distrito de Morales, no Peru, Srs.Edilberto Pezo Carmelo e Carlos Luis Paredes; o Secretario Executivo de Proteção e Defesa Civil de Manaus, Mário Anibal Gomes da Costa Junior; Diretor Operacional da Defesa Civil de Manaus,Cláudio Belém; e a engenheira civil da Defesa Municipal, Thatiana Vieira Carvalho.

A temática principal do encontro foi em torno da campanha “Construindo Cidades Resilientes” promovida pela Organização das Nações Unidas – ONU, através do centro de Excelência para redução de Risco e Desastres.

Por contribuir, há oito anos, de forma significativa para redução de risco e melhoria socioambiental da cidade de Manaus, o PROSAMIM foi envolvido na parceria para troca de experiências das Defesa Civil de Manaus e da cidade de Morales, onde também são desenvolvidas ações de reurbanização e minimização das áreas de risco.
Segundo o coordenador do PROSAM, Frank Lima, de 2006 até outubro de 2014 o Programa reassentou de áreas de risco ,nas Zonas Sul e Oeste de Manaus, 14.242 famílias, que totalizam 71.210 pessoas. “Assim conseguimos a redução das ocorrências de inundação em áreas críticas em Manaus”, disse ele.
O Prefeito de Morales, Edilberto Carmelo, que visitou as obras do Programa, se disse impressionado com os resultados e observou que esta referência será analisada para que ver a viabilidade de usarem proposta similar no Peru.
O secretário executivo de Proteção e Defesa Civil, Mário Anibal Gomes Costa Junior, destacou que entre 200 cidades, envolvidas com a campanha da ONU, apenas cinco foram selecionadas para apresentações a grupos de países que têm necessidades similares, com relação a desastres ambientais e ocorrências críticas, e Manaus é uma destas cidades.

CAMPANHA CONSTRUINDO CIDADES RESILIENTES
(Fonte: Ministério de Integração Nacional)

Uma cidade resiliente é aquela que tem a capacidade de resistir, absorver e se recuperar de forma eficiente dos efeitos de um desastre e de maneira organizada prevenir que vidas e bens sejam perdidos.

O lançamento no Brasil da Campanha Construindo Cidades Resilientes: Minha Cidade está se Preparando, da Estratégia Internacional para a Redução de Desastres (EIRD), da Organização das Nações Unidas (ONU), é uma iniciativa da Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, e pretende sensibilizar governos e cidadãos para os benefícios de se reduzir os riscos por meio da implementação de 10 passos para construir cidades resilientes.
Conscientes de que o município é quem realiza a primeira resposta em situações de crises e emergências, é fundamental que os governos locais e a sociedade civil organizada unam esforços, integrem todos os setores da sociedade e desenvolvam soluções inovadoras que engajem suas cidades na redução das vulnerabilidades. Para isso, é necessário que o município se reconheça como público alvo e agente promotor e realizador da Campanha.

O objetivo da ação é aumentar o grau de consciência e compromisso em torno das práticas de desenvolvimento sustentável, como forma de diminuir as vulnerabilidades e propiciar o bem estar e segurança dos cidadãos.

A redução de riscos de desastres ajuda na diminuição da pobreza, favorece a geração de empregos e oportunidades comerciais, a igualdade social, ecossistemas mais equilibrados e ainda atua nas melhorias das políticas de saúde e de educação